Segunda - Sexta 07:00 - 19:00

2º Sábado de cada mês

(11) 3021-5251

WhatsApp / Fixo

(11) 3021-3678

Fixo

 

Nossa saúde todinha vale ouro, inclusive a dos ouvidos!

Nossa saúde todinha vale ouro, inclusive a dos ouvidos!

No dia 07 de abril comemorou-se o Dia Mundial da Saúde, uma homenagem à data da criação da Organização Mundial da Saúde (OMS) em 1948. Em tempos de pandemia por coronavírus a saúde física e mental de todos está sendo colocada à prova.

Intuitivamente, SAÚDE é “não estar doente”, só que não… saúde inclui o bem-estar físico, psicológico (mental e emocional), social, espiritual (sentido para a vida) e ecológico (ambiental). Ter saúde vale ouro!

Ninguém se lembra do ouvido nessas horas, mas ele é apaixonante. Bem tímido, esconde sua parte principal (cóclea e labirinto) atrás da orelha, do canal auditivo, do tímpano e dos três menores ossos do corpo (martelo, bigorna e estribo). Essa parte nobre do ouvido é do tamanho de uma bolinha de gude, mas trabalha 24h por dia, 7 dias por semana (até durante o sono).

Cada ouvido é como uma empresa de 20 mil funcionários (células ciliadas) trabalhando em departamentos de alta complexidade, como os que recebem sons com frequências mais graves, médias ou mais agudas, ou ainda, que informam o cérebro em que posição nós estamos, minuto a minuto.

Os funcionários trabalham mergulhados na água, pois o ouvido interno é todinho banhado por líquido (endolinfa e perilinfa). Para essa empresa ser produtiva, seus funcionários devem receber continuamente energia de boa qualidade. Ela vem do oxigênio (respiração) e dos nutrientes (obtidos pelo sangue). Essa é a parte mais vulnerável da empresa. Embora oxigênio não falte nem nas cidades mais poluídas, o aporte de sangue com bons nutrientes é o calcanhar de Aquiles do ouvido.

Em 1o lugar, todo o sangue precisa chegar à cóclea passando por uma única e estreita entrada (artéria), por isso, as doenças que costumam diminuir a circulação podem comprometer a entrega dos bons nutrientes. É o caso da pressão alta, da diabetes, do colesterol e/ou triglicérides altos, das vasculites etc.

Para piorar a história, não basta que o sangue chegue às células… ele precisa conter os nutrientes adequados para que elas funcionem bem o dia todo. Adivinha uma substância que desbalanceia o sangue e atrapalha o funcionamento do ouvido? Os doces e tudo o mais que contenha muito açúcar! Eles provocam picos de insulina que prejudicam o funcionamento das células e as funções do ouvido. Sem contar que ficar muito tempo em jejum pode diminuir a quantidade de nutrientes no sangue; é como se os funcionários tivessem que trabalhar sem a hora do almoço. Agora, sabe o que realmente pode matar várias células do ouvido numa tacada só, sem dó nem piedade? A barulheira da vida moderna seja aquela que a gente escolhe ouvir (festas, baladas, shows, trios elétricos, bombinhas, rojões ou fones de ouvido no máximo) como aquela que a gente é forçada a ouvir (obras, trânsito, apitos, vuvuzelas e gritos nas torcidas de quadra ou estádio).

Funcionários infelizes na empresa se revoltar contra o chefe e pedem demissão. Aí vem os problemas: perda auditiva, zumbido, sensação de ouvido tampado, alterações de equilíbrio e a intolerância a sons.

O ouvido é um órgão de respostas sutis e precoces; seus sintomas não matam, mas ele é um dos primeiros a mostrar que algo não está bem. Por isso, quem avisa amigo é!

Assim como se diz que “onde há fumaça, há fogo”, eu digo que “para bom entendedor, meia palavra basta”. Seja um bom empresário, cuidando bem de suas empresas (ouvidos) e investindo na sua saúde!

 

O Instituto Ganz Sanchez disponibiliza MUITO MATERIAL GRATUITO e DE QUALIDADE na TV Zumbido e nas redes sociais (Facebook, Instagram e Youtube) para ajudar a população. Aproveite para (re)vê-los e saber mais sobre isso!

E se você prefere material mais focado para descobrir detalhes, disponibilizamos 2 produtos:

1) O treinamento online o “ABC…Z DO ZUMBIDO” é dinâmico e direto ao ponto. Os 3 módulos “Entendendo o Zumbido”, “Investigando o Zumbido” e “Tratando o Zumbido” ajudam tanto para o público que sofre como os profissionais que atendemAssista uma aula grátis!

2) O livro “QUEM DISSE QUE ZUMBIDO NÃO TEM CURA?” é leitura fácil e rápida para otimizar o tempo.

Caso precise de consulta online, também estamos preparados para ajudar de modo personalizado! Escreva para [email protected] ou mande uma mensagem de whatsapp para 11-3021-5251.